MAPA DO SITE

Copyright (C)   - Todos os direitos reservados; 2013-2020™ - GM7 Educação Corporativa

 

Liderança para Professores: descubra como conquistar os alunos e facilitar a aprendizagem

 

 

    Em períodos de volta às aulas é sempre um bom tempo para reunir os professores e renovar as energias, conhecimento e novas formas de conquistar os alunos e obter uma aprendizagem mais significativa. É nessas épocas quando o palestrante Genilson Mariano é bastante requisitado para falar com os professores sobre como conseguir a atenção e o interesse no aprendizado por parte dos alunos e como conseguir isso através da liderança e de práticas pedagógicas contemporâneas.

 Seguem algumas dicas do palestrante para os professores que desejam conquistar seus alunos e facilitar a aprendizagem:

  1. É preciso liderar os alunos: os professores tem sido as principais referências tanto pessoais quanto profissionais aos alunos, e estes seguirão quem admiram, aprendem coisas que fazem sentido em suas vidas e também quem os respeitam e os faz crescer. Se o professor deseja ter a atenção voluntária dos alunos é preciso mais que um "psiu", "silêncio por favor", ou coisas parecidas, é preciso liderar. 

  2. Conheça seus alunos: quanto mais conhecemos nossos alunos, mais sabemos o que é importante a eles, o que buscam e o que os motivam. O Mariano conta que em uma simples conversa de 3 minutos com um aluno de 45 anos, numa dinâmica durante a aula, mudou a vida do aluno - pois este morava só e longe da família que ficou no nordeste, e após essa conversa o aluno voltou a se aproximar da família e o filho de 19 anos veio morar com ele. O aluno o agradeceu com um emocionante e forte abraço pela conversa em sala.

  3. Crie expectativas antes e durante as aulas: quando ficamos sedentos ou com fome, tudo que fazemos é ir em busca de água ou algum alimento para nos saciarmos. E é isso que precisamos despertar nos alunos - a FOME e a SEDE pelo que temos a ensinar. Se fizermos bem feito, eles vão se interessar na aula como ninguém, a aula ficará muito mais interessante e aprenderão com mais facilidade. Podemos fazer isso quando apresentamos como será a semana de aula, o dia ou até mesmo a atividade daquele momento. A ideia é que seus alunos saibam o que, como e até porque farão tal atividade. Sabemos que isso já é sugerido nas jornadas pedagógicas, porém, poucos professores o fazem, muito menos criativamente.

  4. Estimule a participação, mas cuidado na correção: não é novidade a importância da participação do aluno nas aulas, mas muitos professores ainda fazem errado para obter uma mão levantada e mais errado ainda quando o aluno responde errado e o professor o deixa constrangido na correção. Após fazer uma pergunta à turma e ninguém respondê-la, direcione-a a um aluno falando o nome dele, em caso de resposta correta o parabenize, se meio correta, ressalte a parte correta e puxe mais do aluno para corrigir o restante, se for necessário, peça ajuda a outro aluno ou à turma para complementar a resposta, e se tiver tempo, pergunte agora a resposta completa do primeiro aluno para que ele responda corretamente a questão. Em caso de erros, cuidado na correção, se for o caso elogie o esforço e coragem do aluno em responder, assim os outros sentirão encorajados a responder da próxima vez.

  5. Reconheça cada avanço: muitas pessoas se desmotivam rápido quando percebem que não obtém resultados significativos em algo que empenharam esforço ou atenção. O professor precisa observar o aluno, sua evolução, mesmo que seja pouca, precisa ser notada. Mostre ao aluno que ele ja deu alguns passos e agora precisa continuar andando e até correr em direção ao melhor aprendizado. 

 

     Estas dicas não são tudo que o professor precisa, mas com certeza vai contribuir muito com o dia a dia do professor que ousar em colocá-las em prática. Precisamos nos perguntar não que mundo estamos deixando para nossos alunos, mas que cidadãos estamos preparando para o mundo.

 

Assista aqui o vídeo resumo de uma palestra cheia de insights

 

* Genilson Mariano é professor de Pós-Graduação em Docência Universitária, na disciplina de Liderança, Oratória e Marketing Pessoal Docente, na Faculdade Católica de Anápolis, é escritor autor do livro "Prepare-se para Vencer", empresário e tem palestrado em diversas instituições pelo Brasil. Já foi professor de crianças, jovens e adultos em escolas públicas e privada, projetos sociais, professor particular e a 6 anos é palestrante Educacional. Seu diferencial nas palestras está no dinamismo e uso de técnicas teatrais, técnicas bem sucedidas de palestrantes e de professores considerados de alto desempenho.