A Dança e o Mercado de Trabalho

    Algo que você certamente já sabe, é que o mercado de trabalho passa por constantes mudanças. O que gera consequências no comportamento e na forma de pensar das pessoas. Tudo isso, tem encadeado uma série de alterações no processo produtivo das organizações, inclusive na forma e os critérios para recrutar e\ou promover profissionais.

     São por esses motivos que considero a vida, a busca pelo sucesso, muito mais uma dança que tão simplesmente uma caminhada.

    Imagine se a vida fosse tão simples, ao ponto de desejarmos ser bem sucedidos e o sucesso acontecesse naturalmente, sem esforços. Pensando em sua possível reposta, digo também que não teria nenhuma graça.

    Quando vamos a um baile, e toca uma música no ritmo dance ou rock por exemplo, é normal o salão encher de gente para dançar. São ritmos que não exigem muito do dançarino, no entanto, na medida em que se troca a música e o ritmo, colocando um forró, um bolero, um tango, ou seja, na medida que o ritmo vai ficando mais complexo, é normal também diminuir a quantidade de pessoas a dançar no salão. Só fica quem está preparado para dançar a música que está tocando!

    Provavelmente, se tocar uma música ou um ritmo novo, sobrarão imensos espaços vazios no salão.

    O tipo de ritmo, assim como o mercado de trabalho, funciona como um funil, um processo de eliminatória simples: quem sabe dançar a música que o mercado toca permanece no salão da vida profissional, e quem não sabe… está fora, ou melhor, dança! E com isso, aqueles que permanecem na dança, a princípio ficam inseguros quanto às suas atitudes, mas inegavelmente, logo passam a ser as estrelas do salão, os melhores profissionais no que fazem, os melhores no mercado de trabalho.

    Então, nas suas preparações para vencer na vida, lembre-se sempre de acompanhar as mudanças. Aprenda a dançar a música que o mercado está tocando.

    Já passou o tempo em que a música que tocava era ter um curso superior, ao mesmo tempo em que muitos ainda dançam a música do segundo grau – atual ensino médio. Já passou também a música do conhecimento básico em informática ou inglês.

    Se é assim, qual será a música que o mercado está tocando agora?

    O que toca agora, só dança o profissional bem qualificado, dinâmico, comunicativo, proativo, voltado para resultados, que tenha vasto conhecimento na área tecnológica e de idiomas, e principalmente, dança o profissional que tem espírito empreendedor. No operacional, é hora do profissional ético, que sabe trabalhar em equipe, que tem iniciativa, que não hesita em aprender.     Na área estratégica, dança o profissional que tem tudo isso e ainda tem visão estratégica, que sabe como liderar, desenvolver e motivar pessoas.

    E você? Que tipo de música está preparado para dançar? Já parou para observar que tipo de profissional o mercado está precisando? Será que, o que você sabe dançar é somente o “dance”, o “rock”, ritmos que todos também dançam? Reflita um pouco sobre isso e prepare-se para dançar a música que o mercado está tocando.

    Imagine você num baile muito chique, em que toda a sociedade está presente: sua família, seus amigos, as pessoas que você admira; e como você é um dos melhores dançarinos da festa, todos querem tirar você para dançar! Isso pode acontecer também no mercado de trabalho, você como um dos melhores profissionais do mercado e todos querendo você como parte da equipe. Não tem nada melhor e mais gostoso que ser desejado, visado pelo mercado – então mova-se! E aprenda a dançar a música que o mercado está tocando! Procure ser o melhor dançarino – quero dizer, o melhor profissional que você puder! E sucesso nos palcos da vida!

* Genilson Mariano, é formado pela Univ. do Estado de Mato Grosso – UNEMAT, e Pós-graduado (MBA) em Gestão de Pessoas. Tem ministrado cursos e palestras motivacionais e técnicas em diversas empresas. É professor atuante no Eixo de Gestão no SENAC-Goiás, professor universitário de graduação e especialização, e ex-professor do Centro de Educação Profissional de Anápolis (CEPA).
Contato: mariano@genilsonmariano.com.br